Você está aqui ->
Home > Na Quadra e no Campo > Futebol > E.C. Bahia > O Maior Campeão da Bahia vence mais uma! Vitória 0x1 Bahia

O Maior Campeão da Bahia vence mais uma! Vitória 0x1 Bahia

“Caiu no Barradão, é Açucar com Mamão”
Mendes, Silvio. 2017

Fala, NAÇÃO TRICOLOR CAMPEÃ!

Vencemos mais um Bavice, e mais uma vez, em Canabrava. Já são 8 jogos, com 4 brocanças, 3 empates e uma fuga das galinhas. Somos Campeões Baianos pela 47ª vez. Mas esse jogo, eu confesso, teve um gostinho especial.

Primeiramente, não estou considerando o Ednaldão como nenhum Título Nacional. Mas esse foi pra tirar da garganta as cenas deprimentes desse Baianão.

A confusão generalizada, a covardia de Kanu que apanhou de Edson, não teve coragem de encarar o volante e foi bater em Vinicius que estava preso e indefeso. Os socos dos jogadores de ambos os times, punidos na briga. As mentiras deslavadas do presidente e do técnico do rival, em entrevistas e no TJD. A negativa do Tribunal em aceitar a análise de profissionais em leitura labial no processo. A intimidação dos jornalistas para que não aparecessem como testemunhas no julgamento.

E teve mais…

Pra esse segundo clássico, tivemos tiros na sede da BAMOR. A postagem de marginais trajados de torcedores do rival, incitando a violência contra o ônibus do Bahia. As pedras, bombas e garrafadas arremessadas no ônibus do Tricolor, como eles planejaram. A provocação imbecil e institucional do Vitória ao Bahia, tentando desrespeitar o adversário. Estava tudo entalado, mas saiu da garganta junto com o grito de Campeão!

E o jogo?

O jogo foi extremante fraco, preguiçoso, sonolento e sem cara de final. Sem cara de Bavi. Emoção mesmo só no passe errado de Marco Antonio pra o atacante deles, que Douglas salvou. O bate rebate na área TricolorDouglas salvou 2 vezes, além de um chute de Zé Rafael que o xibungo do goleiro deles pegou. O Bahia parecia frio demais para uma final. Era como se estivesse jogando contra um time pequeno qualquer. Porra! Aquele time pequeno ali é o nosso principal freguês, galera. Acorda, “miséra”!

No segundo, a lógica. Eles sempre começam desatentos e o Bahia foi lá e brocou de novo. Em mais uma jogadaça do ataque Tricolor. Edigar brigou e ganhou no quique, tocou pra Vinicius, que jogou por cima da zaga, correu e tocou pra trás. Zé Rafael recebeu, triangulou com Marco Antonio, num one-two perfeito, chutou e o goleiro espalmou. Na sobra, Elton chegou pra empurrar para fazer o gol do título! Bahia 1×0.

Aqui um detalhe importante. Lembram quando o velho Erick Cerqueira insistia que era maluquice de Guto em colocar o 4-1-4-1, deixando muito espaço no meio? E com 2 volantes a gente liberaria mais os laterais? Pois é! Gol de Elton, volante, e “oclinhos” pra mim, na moral.

Aí foi só tocar a bola, esperar os caras se desesperarem em cruzar na área e administrar a vantagem. Bahia Campeão Baiano de 2018.

bahia campeão 2018Bora Baêa Minha Porra!

Com 47 títulos o Tricolor se une ao Paysandivis entre os 3 times brasileiros com mais títulos estaduais. O ABC/RN ainda é o líder com 54.

Desde os gols de Gambarrota e Raúl sobre o guarda-redes rubro-negro, Walter, no dia 10 de abril 1932, já foram realizados 488 jogos, com 185 triunfos do Tricolor, contra 154 do rival. O Bahia venceu o seu 47º título de Campeão Baiano, mantendo assim o seu rival, ainda na casa dos 20 títulos.

Parabéns ao Bahia pelo título. Parabéns a Guto Ferreira, que eu critiquei como a porra, mas temos de reconhecer: o cara subiu o Bahia, ganhou a Copa do Nordeste, subiu o Inter e agora foi Campeão Baiano, vencendo as 2 finais, o que não acontece desde a década de 70. Parabéns a Bellintani pelo primeiro título.

Ah, e principalmente, parabéns ao marketing do Bahia pela bela campanha que segue abaixo. Foi o terceiro BAVICE vencido em 7 duas. Mostrando quem manda na Bahia e quem é o verdadeiro peixe-pequeno. 🙂

#BBMP #FugadasGalinhas #MamãoComAçucar #NaCasaDelaxxxx

provocacao-vitoria

 

resposta do Bahia

Deixe uma resposta

cinco × um =

Top