Você está aqui ->
Home > Esporte Olímpico > Esporte Baiano > Surf > O retorno do SuperSurf 2015 – Uma vergonha a Bahia ficar de fora

O retorno do SuperSurf 2015 – Uma vergonha a Bahia ficar de fora

Por Redação Waves em 01/02/15
Evandro Abreu, organizador do SuperSurf, revela que o badalado circuito pode retornar em 2015, com quatro etapas.
Evandro Abreu trabalha forte para trazer o SuperSurf de volta ao cenário nacional. Foto: Fábio Minduim / SuperSurf

Em entrevista ao site da Folha de São Paulo, Evandro Abreu, ex-gerente de produtos da Abril, confirmou que existe uma grande possibilidade de o SuperSurf voltar a ser realizado no Brasil.

O circuito, que fez bastante sucesso entre 2000 e 2009, oferecendo belas premiações e fortalecendo o cenário competitivo profissional no País, pode ter quatro etapas em 2015.

As provas teriam premiação de R$ 80 mil e seriam disputadas entre os meses de abril e novembro, nos estados de São Paulo (Maresias ou Ubatuba), Rio de Janeiro (capital e Saquarema) e Santa Catarina (Florianópolis).

Em 2010 e 2011, o Circuito Brasileiro passou a ser promovido pela empresa Brasil1 e teve o nome de Brasil Surf Pro.

Nos anos seguintes, o ranking nacional foi composto pelos melhores resultados dos atletas em eventos regionais

Top