Você está aqui ->
Home > Atletismo > Porque Todo Dia é Segunda-Feira – Por Alan Muricy

Porque Todo Dia é Segunda-Feira – Por Alan Muricy

“Segunda-feira eu começo a dieta”!

Quem nunca proferiu esta frase? A maioria até começa realmente na segunda. Mas, termina na terça. Essa foi minha rotina durante exatos 3 anos e 4 meses. Durante este período, foram diversas tentativas. Contudo, o efeito era o contrário: só fazia engordar. Dos 70kg do início de 2014, cheguei aos 92kg em 2017, peso que havia me livrado em 2008 e que achava que nunca retornaria.

Agosto de 2017, pós-férias: 92kg, uns 33% de gordura corpórea e obesidade grau 1. Preparo físico de um sedentário, muita preguiça e pouca disposição. Fundo do poço!

Eis que em 28 de agosto, do mesmo ano (uma tradicional segunda-feira), decidi tentar mais uma vez. Comecei revezando caminhada com corrida leve, na esteira. Inicio a dieta. Muita fibra, proteína, pouca gordura e diminuição de carboidrato. No primeiro dia já me senti mais leve, menos inchado. No segundo dia, já acordei mais cedo, mais disposto. E assim seguiu. Cada dia via resultado do meu esforço. As roupas começavam a folgar, as pessoas a observar e o corpo a responder. Foram 5kg eliminados no primeiro mês, 4kg no segundo até chegar à meta: 20kg eliminados em pouco mais de 4 meses.

Enfim, 72kg!

Achava que jamais emagreceria. Subestimei-me! Mas acreditei em mim quando eu confiei na minha força de vontade.

Após meta alcançada, poderia engordar por conta do tal “efeito-rebote”, tão falado e temido. Bom! Se existe, teve efeito contrário comigo. Eliminei mais 3kg.

Hoje, estou com 69kg, dentro da faixa ideal de IMC e com 6,3% de gordura corpórea. Com a eliminação de peso, ganhei disposição, vaidade, bem-estar e muitos elogios. Mais do que diminuir peso, consegui a reeducação alimentar. Meu pensamento que era de gordo passou a de uma pessoa saudável. Isso é o mais importante dentro deste processo. Mais do que eliminar peso, continuo a comer de forma correta (inclusive tirando um dia da semana para sair da dieta, porque ninguém é de ferro) e a praticar atividade física todos os dias, conduta da qual não abro mão de forma alguma, devido ao medo de voltar a engordar.

Hoje, eu incentivo amigos a trilharem o mesmo caminho. Porque eu sei que não é fácil. É uma luta diária e solitária. Faço isso com muita satisfação, porque quero que eles tenham a mesma sensação que tenho hoje: de estar bem comigo mesmo!

Portanto, meus amigos, persistência, determinação e foco! Vocês vão chegar lá! Um abraço!

 

Alan Muricy é atleta amador, lateral esquerdo do Baba dos Boleiros de Aço e novo colunista do EsporteBaiano.com 

Deixe uma resposta

1 × 4 =

Top